domingo, 12 de dezembro de 2010

Bem Visto!

Recebido por mail:

Manuel M****** 
R*****
4445-122 Alfena 
Bilhete de Identidade nrº ***** 
Contribuinte nrº ******
Assunto: Pagamento de Passagens na Ex-SCUT de Alfena 

Exmos. Senhores, 

Sendo morador em Alfena e trabalhando no Porto, utilizo, como sempre utilizei, o seguinte trajecto: Porto-VCI-A3-A42-Alfena, sendo o regresso feito em sentido inverso utilizando as mesmas vias. 

Não vou dissertar agora no facto de que Vas. Exas. me estão a cobrar a utilização de uma via que foi construída com os meus impostos e com as verbas provenientes da União Europeia, porque esse infelizmente é assunto ultrapassado pelas Leis abusivas deste País. 

Vas. Exas. em conluio com os (des)governantes deste País, não prestam nenhum serviço... disponibilizam uma determinada estrutura (estradas) que caso queiramos utilizar terão que ser pagas, mas como vocês, pobrezinhos, ganham pouco e não têm dinheiro para criar postos de trabalho, não disponibilizam nenhum funcionário para receber o que devo no fim da utilização desses serviços... 

Assim, de acordo com a leitura sobre as diversas formas de pagamento, cheguei à conclusão de que não vou comprar nenhum dos dispositivos que Vas. Exas.têm(??) à venda, nomeadamente o DECP, o DEM ou o DT, uma vez que tal não faz sentido! 

Desgraçadamente, mesmo que quisesse adquirir uma dessas máquinas registradoras, as mesmas encontram-se esgotadíssimas.... porque se calhar vos dá jeito cobrar os "serviços administrativos" que são um autêntico roubo. 

Então EU é que compro o dispositivo da v/ cobrança?? Isso tem tanta lógica como ir a um café, pedir umas águas que custam 0,80¤ e cobrarem-me 0,90¤ sendo que os 10 cêntimos a mais são como contribuição para o café ter comprado a sua máquina registadora..... NÃO FAZ SENTIDO!!! 

Atentem nesta "JÓIA" exemplificativa de autêntica extorsão: No trajecto A3-Alfena, utilizando cerca de um quilómetro da A42.... o valor da passagem são 0,20¤ e o valor do serviço administrativo são.... 0,30¤ !!!!!! É para RIR???? então o custo administrativo é superior ao custo do Serviço??? Vão gozar com o c..........lho!!!!!! 

Posso realmente fazer o pagamento postecipado, conforme foi divulgado por Vas. Exas., mas.... dou o exemplo concreto de um pagamento que efectuei e do qual junto cópia: No passado dia 21-10-2010 fui a uma Payshop e o recibo total foi de 5,02 Euros... sendo que esta verba diz respeito às parcelas de 2,60¤ de custos de portagem e... 2,42¤ de CUSTOS ADMINISTRATIVOS!!!!! 93% de aumento!!!!! 

AINDA POR CIMA, O REFERIDO RECIBO NÃO IDENTIFICA OS LOCAIS EXACTOS DAS PASSAGENS NEM AS HORAS... NADA! Como eu utilizo uma viatura da Empresa onde trabalho, acabo por não ter forma de justificar se os recibos são referentes a utilizações particulares ou em serviço da Empresa.... 

Verifico ainda que, quando termino a passagem das Ex-Scut, no respectivo local, não tendo ninguém para me cobrar a passagem, nem sequer tenho UM LIVRO DE RECLAMAÇÕES!!!!! 

Não me venham dizer que tal livro está ao meu dispôr na VIA VERDE ou em qualquer uma das Lojas existentes neste País..... Porque qualquer Empresa onde eu vá, tem Livro de Reclamações nas suas filiais, não me mandam para a SEDE a reclamar.... 

Tenho o Direito de reclamar no local onde me foi prestado o Serviço, não sou obrigado a deslocar-me para o fazer!!!!! 

Ainda por cima, com tantos nomes nas estradas, nem sei se estou a utilizar um serviço da Ascendi, da Brisa ou de qualquer um dos outros Exploradores de cidadãos deste País.... pelo que nesses casos podiam sempre dizer "Ah! coisa e tal.... a sua reclamação não é para a Brisa... é para a Ascendi.... ou é para não sei quem.... olhe, pague e não bufe...." 

Face ao exposto, considerando que a inexistência do Livro de Reclamações no Local onde o Serviço me é prestado; considerando tambérm que não tenho que suportar os custos das v/ máquinas de registos; considerando ainda um abuso que seja eu a pagar uma comissão de 93% ao payshop que se substitui a vocês para efectuarem a v/ cobrança que, lembro, não fizeram porque não estavam presentes no respectivo local quando eu passei e quis pagar.... 

Vou continuar a utilizar a ex-scut em questão, sendo certo que aguardarei que no respectivo local esteja alguém da v/ Empresa! se isso não acontecer, QUERO utilizar o respectivo Livro de Reclamações (podem pendurar no último poste antes da saída para Alfena, é uma sugestão...). CERTO mesmo, é que não pagarei maismultas (custos administrativos, comissão do Payshop, ou outro nome que lhe queiram dar), por não efectuar o pagamento atempadamente por CULPA VOSSA!!! 

MALDITOS PORTUGUESES, REBANHO DE CORDEIROS: NINGUÉM TEM UNS PNEUS QUE ME EMPRESTE PARA QUEIMAR NA SAÍDA DAS SCUT'S????? NINGUÉM RECLAMA? TODOS FALAM E NO ENTANTO PAGAM E CALAM??? PORTUGAL TEM MESMO O QUE MERECE...

Dava-lhes os meus cumprimentos, mas só se fosse ao murro seus f.p. 


Manuel M********

Época Alta para os Sem Abrigo!

(imagem: google.com)

Não haverá propriamente um dia que seja "bom" para ser sem abrigo... mas se houvesse, ainda que por mero exercício de ficção, esta seria a época alta! A melhor altura do ano para ser um "sem abrigo"!

Não sou grande apreciador do Natal... devo mesmo reconhecer que tenho uma certa aversão a esta época do ano! É melancólica, deprimente e hipócrita! Quer dizer... bem vistas as coisas... as épocas não têm destes atributos - devem ser mesmo as pessoas!

O verdadeiro espírito do Natal, aquele do tempo em que eu era pequeno em que a noite de Natal era da família e os presentes só apareciam na manhã seguinte parece já coisa do "tempo da outra senhora"!

O nascimento do filho de Deus tem pouco significado quando comparado com a importância de saber quem vai ganhar o ídolos ou se os tipos da "Secret Story" vão descobrir que o Tone teve uma casa de putedo! Tudo interessa! Tudo é sensação, é mistério e importante... menos o que realmente devia sê-lo!

Até os putos, com o passar do tempo, julgaram tornar-se mais sábios que nós por terem assumido que o Pai Natal não existe! Pobre pequenos... nessa sua pressa de crescerem ignoram que nós, da idade deles, também sabíamos que o Pai Natal não existia... mas era tão "fixe" a ideia de que ele pudesse existir ou que na falta dele havia sempre de vir o Menino Jesus... e a malta insistia em não querer estragar a emoção dos pais ao irem à socapa de madrugada colocar as prendas no sapatinho.

Agora... o Pai Natal não existe... a ceia de Natal em família é apenas esse momento de longa espera que antecede a troca de prendas... e no meio disto tudo saímos à rua muito piedosos, preocupados com os que têm fome, sede e frio.

Pior!! Grave mesmo! Passamos um ano sem dizer um bom dia que seja a alguns conhecidos mas quando chega a esta altura gastamos rios de dinheiro a mandar sms de bom natal a toda a gente, inclusivé ao cão da Sra. Maria que não consegue ler nada há 3 anos(não que o cão alguma vez tenha conseguido ler, apenas porque o cão só tem mesmo 3 anos)!

E perante toda esta alucinação colectiva ainda faz sentido acreditar no natal? Prefiro a Páscoa! É que na Páscoa, como o Cristo leva a cruz às costas já não há motivos para festas(excepção feita ao Domingo de Páscoa)! Agora, a pretexto de um menino em palhinhas deitado banqueteamo-nos com o bom e o melhor e olhamos para o lado e para a tv com esse "nobre" sentimento de pena dos outros, dos "coitadinhos"!

Ouve-se também o célebre "Natal é quando um homem quer"! Ora bolas, então os homens são mesmo unhas de fome pois só querem o natal um dia por ano! É mais fácil olhar com comoção para os pobres nesta época do que quebrar a barreira da indiferença durante os 364 dias do ano que restam!

E é vê-los fazer galas, fazer peditórios, fazer donativos, vestir fatiotas bonitas e solidárias... como se esse desprezível sentimento de falsa solidariedade pudesse apagar a indiferença de um ano que passa e fizesse esquecer que esses sem abrigo existem o ano todo, muitas das vezes fruto das políticas anti-sociais que os governos seguem outras tantas fruto da nossa indiferença.

quarta-feira, 8 de dezembro de 2010

Farto, Fartinho e F**ido!


Caros Amigos,
depois de verificar que tenho a quase totalidade dos meus mails listados na mesma lista de spam, permitam-me que fique profundamente f*****!

Vamos perceber porquê, mas não sem antes dizer que apesar de tudo continuo a estimar muito os meus amigos apesar de terem demonstrado não estarem aptos a usar meios para mais facilmente me contactarem!

Vejamos o seguinte mail que anda a correr a net e que não passa de mais uma banhada monumental, e aqui lembro o Professor Doutor Mário Frota na sua expressão "Não há almoços grátis"!

Parece que anda tudo desesperado por um iphone 4! E eu devolvi o meu à garantia... afinal tinha o santo graal!!!
Desconstruindo a fraude:

Começa o mail por dizer que a Apple ofereceu centenas de telemóveis na Páscoa!!! Onde??? Quando??? - bebe menos!

E vão dar uma oportunidade nova este natal!! (isto apesar de o telemóvel estar quase sempre esgotado!)

A Caras tem também todo o ar de ser coisinha para oferecer telemóveis de 650€!

Pretende a Caras e a Vodafone aumentar a popularidade do iphone no mercado nacional (isto apesar de estar esgotada ... é só popularucho! bom, bom era que quisessem tornam a Ferrari popular!)

E oferecem um Iphone 4GS (deve ser modelo de vibrador pois o telemóvel é apenas iPhone 4 e a imagem em questão é do iPhone 3G/3GS)

O mail para o qual devem ser enviados os preciosos contactos dos vossos amigos e que passarão a ser contemplados com lixo e viroses é "@gmail.com" (é perfeitamente notório que quer a caras, quer a vodafones usem um mail institucional @gmail! A crise parece tocar a todos!)

Basta ???

E depois falam-me dos riscos da internet para os miúdos!! Bom era cadastrar todos aqueles que tiveram "mais olhos que barriga" numa lista de "não apto para uso de internet sem supervisão"!

Nos próximos tempos serei brindado com lixo, muito lixo... mas terei a prova que tenho amigos que partilham comigo a sorte grande... e eu, na minha humildade, só pedia uma coisa: não me f****!


sexta-feira, 3 de dezembro de 2010

"O Menino do Skate"

Aqui deixo uma imagem de uma causa que tanto tenho falado e não desisitirei. Esta imagem reflecte uma aspiração de uma juventude, de infâncias que por Esposende passaram a olhar para um relvado cujo nome pomposo foi outrora "Parque Radical"!

Em tempos lá existiram umas rampas, idealizadas provavelmente por quem se pagou pelo serviço mas que não percebia a "ponta dum corno" de sk8 parques!

E é interessante ver de vez em quando, algures pelo mês de Agosto, no centro de Esposende, demonstrações de bike trial, campeonatos de velocidade de in-line e muitas outras actividades bonitas, feitas por gente de fora, que se paga para cá passar, enquanto os nossos putos se fazem sk8ters pelo empedrado da marginal, pelas docas ou por cima das floreiras e muretes!

Desculpem-me o desabafo... mas quem passa pela Póvoa de Varzim, pelo sítio mais "in" que é a frente do Casino e se depara com um sk8-parque digno e cheio de vida percebe que há cartões de visita que podem não ter o brilho do ouro mas terão certamente o brilho da vida da juventude. E se de um lado da estrada estão os carros de gama alta e gente bem vestida, do outro estão jovens, de calças coçadas e uns patins ou um sk8 nos pés, cada um à medida da sua carteira mas em plena socialização!

São visões! Contributos... e nestas coisas, como não poderia deixar de ser e eu já venho estando habituado, alguns verão logo a mais mordaz das críticas, como se a liberdade de expressão fosse apenas letra morta na CRP.


(a seriedade com que o miúdo da foto treina as suas pequenas manobras, retratada de forma singular pelo João Octávio, merece a visualização na sua origem e podia bem ser um cartaz deste sonho! Não por mim! Talvez por respeito ao pequeno da foto! Assim houvesse vontade e umas migalhas do desgoverno do Engenheiro!)

Admirável Mundo Azul!

Não, o post de hoje nada tem a ver com questões ambientais, tem sim uma conexão evidente com 3 imagens associadas à "rede": o símbolo do internet explorer, o logo do facebook e... o Magalhães!

Os dois primeiros revelam-se de fácil compreensão na sua associação, juntei o magalhães apenas para associar algo que foi entre nós símbolo de uma massificação de acessos à rede, ao cyber-espaço!

E lembrei-me de escrever hoje sobre isto fruto de uma constatação que estou certo poderia dar um qualquer estudo numa tese de Bolonha: o perigo da internet para os adultos! Sim, os filhos têm cada vez mais consciência dos perigos, já os pais... em questões de tecnologia... são ainda uns verdadeiros "meninos"!

A questão é clara: com a massificação dos acessos, com a democratização dos acessos, aumentou-se o número de verdadeiros analfabetos tecnológicos, com um grande perigo - a esmagadora destes analfabetos informáticos julga-se perfeitamente expert nestas coisas das novas tecnologias.

Há por estes dias uma realidade nova, um número elevado de adultos que pura e simplesmente se deslumbraram com o potencial da internet, com a informação, com as amizades, com esta coisa "linda" das redes sociais... e que caem que nem patos em tudo que é propagação de spywares, trojans... e não raras vezes... "putedo"!

Estes "novos-navegadores", julgando-se perfeitamente informados, capazes até de dar conselhos aos filhos sobre os riscos da internet, entram numa rede social e soltam a língua a contar a vidinha a uma/um qualquer estranho que lhes dê 2 minutos de pagode, ou que faça "like" numa foto de um prato de aletria da avó.
Depois, acreditam em tudo o que é mail do tipo "aumente os seus rendimentos" ou "tenha um genital assombroso", e toca a abrir tudo o que é ligação que lhes seja enviada!
Além disto, tendem a abrir as ligações que lhe aparecem no messenger vindas de uma Dulcineide que diz conhecê-lo da escola primária, e que dizem "veja as nossas fotos na banheira ontem", sabendo ele que no dia anterior o único sítio onde tomou banho foi na balneário do indoor com os amigos da bola.

Depois... há aquelas conversas manhosas que começam com o comentário da fotinha num perfil e que acabam com votos de amor eterno! E dá-se com homens que toda a vida foram olho-aberto a serem enrolados de paleio através dos "perfis de angariação de clientela"!

Quem lucra com isto? Quem vive da manhosice e da obtenção ilícita de informação e dados pessoais à custa da ignorância alheia.

Torna-se assim necessário que estes "cursos de iniciação à informática" sejam muito mais "custos de educação para a informática"!

Neste breve esboço se percebe que é tempo de fazer palestras "Os perigos da internet: de filhos para pais"!

Além de tudo o que foi dito importa ainda referir uma situação que tem tanto de embaraçosa como de verídica: os pais que adicionam os filhos nas redes sociais como amigos não só não estão a fazer nada em prol da educação dos mesmos como se tornam um verdadeiro BigBrother! Os jovens têm o direito à sua vida pessoal, ao local da família e ao local dos amigos! Os pais devem perceber os problemas dos filhos falando com eles não seguindo-os à socapa via rede social. Os pais não devem nunca seguir os comentários, as amizades e conversas dos filhos através das redes. Não faz sentido e torna-se uma verdadeira violação da vida pessoal, do espaço de crescimento social! Esqueçam lá isso! Não é fixe! Não é "cool"! Não faz de vós uns pais "modernaços" e nem sequer vos tira os 25 anos a mais que os vossos filhos!

Em suma:
- aos pais: ocupem o lugar de pais e não de friends! Essa confusão de papeis não é saudável!
- aos filhos: olhem pelos vossos pais aceitando deles tudo o que sabem a mais que vós e, sempre que possível, de mansinho, ensinem-lhes aquilo que eles fingem sabem mas que na realidade desconhecem por completo!

Isto, tentando evitar que um dia desses sai um qualquer manual do tipo: "Como evitar que a sua vida familiar se desmorone perante 30 minutos de social-networking"!

quinta-feira, 2 de dezembro de 2010

Despedir mais barato!

Segundo notícia avançada pelo Jornal de Negócios e citada pela TSF, de Bruxelas terão vindo rumores de recomendações de maior facilidade de despedimento e indemnizações mais baixas.

Eu que sou um tipo que se arrepia sempre que houve a palavra sindicato e que, em boa verdade, queimava tudo o que é livro com referências a "luta de classes" e "proletariado", porque entendo que patrões e empregados são parte de um todo e não rivais, devo dizer que concordo plenamente com este pensamento vindo de Bruxelas, afinal lá tendem a "pensar em grande"!

E devo explicar o porquê da minha concordância:

Se os senhores de Bruxelas entendem que devemos flexibilizar o despedimentos, pois assim seja. Não esqueçam no entanto:
- Que se os outros são mais flexíveis, esses mesmos outros ganham quase o triplo que o que ganham os trabalhadores portugueses;
- Que qualquer trabalhador português se disporá a ser despedido sem qualquer indemnização se lhe garantirem uma justa actualização salarial com retroactivos, que o coloque ao nível da frente da Europa;
- Que um trabalhador português que precisa de 25 anos da sua vida para ganhar o mesmo que um alemão ganha em 10!
- Que assim sendo, a mísera indemnização, que tanto tem de inflexível para os senhores de Bruxelas, significa que um português que trabalhe uma vida na mesma empresa pode ir para a rua com uma choruda indemnização que corresponde sensivelmente a meio ano de trabalho de um francês!
- Ainda acham que o trabalho é caro cá? E que exigimos muito?
- Os outros exigem o triplo de remuneração enquanto estão no activo! O português apenas pede 1 dia por cada 30 na hora de ir para casa!

Em suma, e para não me alongar por julgo que já todos perceberam o exercício lógico que aqui quis exemplificar, alguns senhores em Bruxelas tendem a pensar o mundo à imagem e semelhança das suas folhas salariais, esquecendo-se que em Portugal, esta gente que trabalha de sol a sol, que ganha uma miséria embora trabalhando tanto ou mais que os seus amigos europeus, consegue com um terço do salário dos outros ter casa, carro e lutar por uma educação melhor para os seus filhos, sabe Deus a que custo e com que dificuldade.

E vamos agora ouvir "recomendações" destas? Não me lixem!
Há muita coisa que precisa ser flexibilizada! Há sim senhor!
Querem flexibilizar o despedimento? Pois muito bem! Criem um novo regime de contratação, com efeitos apenas para o futuro, onde a pessoa se sujeite à precariedade e incerteza mas que tenha como salário mínimo uns 1200 euros/mês!

Agora, querer moldar a vida a uma economia de mercado que passa pelos países qual espécie parasita, que esgota tudo enquanto há e que de seguida parte para outro lado, isso não!

Querem afinal, em vez de acabar com os recibos verdes, criar os "contratos verdes"!

Enfim...

Se infeliz tirada tivesse saído de um tipo como eu... era, digamos, tolerável! Afinal de contas sou um mero cidadão, que embora leia umas coisas, possui humildade suficiente para perceber que não sabe muito de tudo e vai apenas fazendo por saber um pouco de tudo e um pouco mais de algumas delas. Agora dito por gente que "joga na Liga dos Campeões"... não é compreensível! É a negação das pessoas perante a moeda e a afirmação do eterno "mostro" do "Capitalismo selvagem"!

terça-feira, 30 de novembro de 2010

Exposição - João Octávio Meira.


Acabo de receber a agenda do Município para o mês de Dezembro e não podia deixar de destacar mais um momento de fotografia no verdadeiro sentido de "uma imagem vale mais que mil palavras". Aqui partilho esta informação numa justa homenagem às fotos do João Octávio e à forma extremamente discreta com que passa pela nossa terra fotografando os que temos por cá de inigualável e belo, num jeito muito próprio de quem tem para além da técnica um "feeling" único! E digo isto porque há muitos e bons fotógrafos no que diz respeito a "saber mexer na máquina"... já o verdadeiro artista, o verdadeiro fotógrafo, é aquele que consegue "colher" a imagem perfeita, aquela tal que "vale mais que mil palavras", aquela que nos leva par ao lugar onde das palavras não ditas nós retiramos uma história... que... em momentos perfeitamente naturais, nos levam a abrir um caderno, pegar numa caneta, e escrever, escrever, escrever até esgotar o sentimento que aquela foto nos inspirou. E tudo... fruto de um momento que se esgota numa fracção de segundo, algures entre uma nesga de luz e um click de obturador, devidamente registado para não mais esquecer!

Recomendo, com a certeza de que VALE A PENA! 100% Recomendado!


terça-feira, 23 de novembro de 2010

Korea!

Os talibãs não saíram do Afeganistão e o mundo entendeu que deveria ir libertar um povo!

O Saddam não saiu do Iraque e o mundo foi libertar o Iraque!

A Coreia do Norte, no rescaldo da Cimeira da Nato em Lisboa, ataca uma ilha da sua vizinha Coreia do Sul com mísseis... e o mundo... assiste e apela a que não haja reacender do conflito entre ambas!

Afinal o que é preciso para reacender o conflito? Para que seja legítimo reacender? É preciso que a Coreia do Norte atinja a Coreia do Sul com uma arma nuclear?

Ou será que a Coreia do Norte realizou os ataques "com preservativo" e assim sendo está ao abrigo da benção Papal(talvez amanhã fale sobre isto), fazendo deste um ataque santo? Será que é um míssil com "protecção" para evitar danos colaterais (entenda-se: tomadas de posição da Nato?)!

Ou estará a NATO, depois desta passagem por Lisboa, refém do princípio português, digno de enquadramento constitucional, vulgarmente designado por "quem tem cú tem medo"?

Enfim... haja vergonha... internacional! Afinal de contas até já o Japão foi vítima das "taras e manias" da Coreia do Norte e continua tudo a assobiar para o lado!

Lição 100! (quero dizer... SEM)!

O título de hoje pretende evocar essa saudosa memória dos tempos de escola, como quem diz do antigo ciclo preparatório, também conhecido com 5.º e 6.º anos, do tempo em que eu passei pela Correia de Oliveira em Esposende!

Nesses idos e bonitos tempos de 1992-94 em que nas aulas tínhamos cadernos onde, para além dos apontamentos da aulas, se registavam "religiosamente" os sumários! Sempre que era atingira a heróica marca de 100 "Sumários" havia uma festa de turma na disciplina respectiva! As pequenas festas eram precisamente isso: pequenas! Em todo o caso, cada lição 100 tinha um sabor de Comemorações oficiais da República.

Ora, 16 anos volvidos, e para a minha geração, as míticas lições 100 deram lugar às "lições sem", como quem diz "000"!

Uma geração:
- sem emprego;
- sem habitação;
- sem estabilidade;
- sem perspectivas;
- sem hipóteses;
- sem Governo;
- sem apoio;
- sem oportunidades;

A geração que em tempos tanto festejou com simplicidade a "Lição Cem", nenhum motivo tem hoje para festejar dada a gravidade da nova "Lição Sem"!

segunda-feira, 22 de novembro de 2010

Partilha!

Nestes dias em que anda tudo de olhos postos na caridade, o Arcebispo Primaz de Braga apelou a que os sacerdotes doem um salário à caridade! Gostava de ver a moda pegar e ver este apelo estender-se a muitos que ganham bem mais que os sacerdotes!

sábado, 20 de novembro de 2010

NATO!

Realiza-se durante este fim de semana a Cimeira da Nato em Lisboa, coisa bonita e pomposa "para inglês ver" mas que de nada traz a Portugal que não incómodos e despesas.

Mais uma vez, o nosso Primeiro Ministro, assemelhando-se a um "militante bloquista puro", e quiçá "minado" por alguns fumos manhosos, insiste em vender ao país a ideia de que esta iniciativa traz algo de bom, que nos promove, que nos afirma... enfim... a única coisa que mostra ao estrangeiro é que somos um país a morrer de fome com 5 kms de margem do Tejo bem arranjadinha, fruto de uma Expo'98 que trouxe muito turismo... a Lisboa e nada mais.

E depois, há um bando de parolos nacionais e estrangeiros que saem às ruas a manifestar-se contra o preço da cannabis e pouco mais! E digo isto sem qualquer preconceito... mas por amor da "santinha"! Os gajos que aparecem na tv nem sabem porque estão a segurar uma faixa que lhes vai custar meia-dúzia de empurrões da PSP! Haja tino!

A bem da ordem, espero que a Polícia portuguesa meta na jaula todo e qualquer "canixe" que sob o manto da multidão se prepare para causar desacatos. É que nestas coisas de naifestações pacíficas, há sempre uns artistolas que estão com ânimo de partir tudo sem pagar nada.

Assim sendo, na plena convicção que estas cimeiras são verdadeira "conversa para boi dormir" porque no meio disto tudo há USA e Rússia e o resto são toalhitas para limpar rabo a meninos de colo, estou apenas preocupado com o trabalho das polícias portuguesas que espero que possam manter a ordem sem serem apontadas por isso.

sexta-feira, 12 de novembro de 2010

Os fariseus!

Com facilmente se conclui pela minha barra lateral de ligações aqui no 7folhas, gosto de ler o que outros escrevem com nexo (sim... deixei de seguir uma boa meia dúzia de blogs da autoria de gente que tem o intestino ligado ao cérebro), entre as quais se inclui o blog pessoal do Presidente da Câmara de Esposende, o Sr. João Cepa.

Hoje, numa passagem pelo referido blog deparei-me com um texto intitulado "Igreja contra reformas chorudas" que numa sucinta análise ia de encontro àquilo que eu definiria como "a minha visão "nietzschiana" da religião" - isto porque sempre me fez muita confusão a talha dourada, os paninhos bordados, o rios de dinheiro nas festarolas, as pregações pagas a peso de conferencista... e muitas outras coisas que aqui não diga sob pena de alguns confundirem a minha sinceridade e racionalidade com ateísmo ou heresia!

Se eu compreendo que nas festas, regra geral, mandam as comissões de festas, que chegam até a impôr-se aos párocos só para trazerem os Zé Biolas e as suas Bailarinhas, tudo o resto ultrapassa a minha concepção de limites da devoção e remete-me para o campo da ostentação, muito para além do da adoração que seria desejado. Julgo confundir-se muitas vezes "dignidade" com "luxo".

Agora... numa altura destas... tentar "picar" a igreja... não me parece de todo... já não digo aceitável... digo mesmo tolerável!

Por esse país fora assistimos ao longo dos anos a um caminhar de "mão dada" entre igreja e poder político!! Quem não se lembra de alguns episódios "bonitos" na bela cidade dos arcebispos? E se calhar de outros... enfim... como diz o povo "cala-te boca"...

E lembro-me assim de repente que nesta minha freguesia, tão só a maior do concelho de Esposende, não fosse o apelo da igreja e o contributo dos seus fiéis para um centro paroquial... e a coisa mais parecida com um equipamento polivalente para a freguesia seria talvez a "célebre" garagem da Junta de Freguesia e o seu "nano-mini-micro-auditório"!

O nosso salão paroquial é o único "auditório" com capacidade para mais de 50 pessoas na freguesia e... não, não temos nenhum equipamento digno de ser chamado auditório(sem aspas)... o que remete a maior freguesia do concelho de Esposende para o nível de umqualquer lugarejo perdido em Trás-os-Montes! Claro está que neste ponto... sou razoavelmente sensato e limito-me a um simples: "compreendo que não há dinheiro para tudo"!

Já dizia o grande Fernando Pessoa: "Deus quer, o homem sonha, a obra nasce"!

Em suma: a igreja tem muitos defeitos! É feita por homens, para homens e entre os homens! Mas enquanto o poder político ao longo dos anos faz obra a troco de votos (bem ou mal... é juízo que compete aos politólogos - e não querendo com isto dizer que seja sempre sempre assim) a igreja, com todas as suas limitações, pode "pedir" muito aos seus fiéis, mas sempre tem dado o seu contributo na partilha sem pedir nada de volta nem sequer pedindo que alguém vá à missa ou à catequese.
Assim sendo, a igreja tem toda a moral do mundo para dizer o que quiser do poder político, mais não fosse, porque ao longo dos tempos o poder político tem-se arrogado defensor do pomposo "Estado Laico", já a fome que tem resultado de políticas ruinosas... acaba sempre por ser cristã!

Amen!

terça-feira, 9 de novembro de 2010

Moonspell @ Sombra

Mal posso esperar pelo próximo sábado! A Casa das Artes de Arcos de Valdevez é, sem dúvida alguma, um espaço acolhedor e com uma agenda cultural de referência que conjuntamente com o Centro de Artes e Espectáculos São Mamede e o Centro Cultural Vila Flor em Guimarães fazem parte do meu roteiro cultural.

Espero que no próximo sábado os Moonspell estejam como sempre: em grande nível!

Aqui fica uma amostra do que circula no youtube desse lado acústico intitulado "SOMBRA"!

segunda-feira, 8 de novembro de 2010

Estupidamente fixe!

A visita do Santo Padre Bento XVI a Espanha deu mais uma vez palco aos "anti-papa", aos "anti-religião" e até a uma meia dúzia de panisgas irrequietos.
Considero-me um tipo tolerante, por incrível que pareça até consigo tolerar os panisgas, agora... não compreendo estas sucessivas manifestações por coisa nenhuma. Querem ser reconhecidos pela igreja? Mas por ventura eu tenho lá moral para exigir por exemplo aos portistas que vistam de encarnado? Em todo o lado há regras, códigos de conduta, que unem os seus membros e que são conditio sine qua non para fazer parte desse mesmo grupo, porque tem a igreja que ser diferente? Porque temos nós que nos mudar pelos caprichos dos outros? É certo que o maior mandamento de Cristo foi "o amor" mas se essa paneleirage vivesse o amor não estaria certamente tão inquieta. O grande problema é que o que os invade não é o amor mas sim o protagonismo e o desdém perante o legado que os outros tentam perpetuar.
Ao longo dos tempos mudaram-se governos, modos de governação, formas de poder. A igreja, por sua vez, actualizou-se paulatinamente e tem continuando nessa senda. Qual será então o propósito de quem pretende que a igreja seja pioneira numa questão que até os Estados têm tido dificuldades em acolher?
Uma coisa é inegável: se eu quisesse fazer uma manifestação a pedir à igreja que decretasse a fogueira para todos os panisgas isso daria-me alguma legitimidade para insultar o Santo Padre se ele não acolhesse o meu anseio? É que se der avisem! Estou certo que juntarei mais gente para a minha causa do que os panisgas para a deles.
Este post não pretende no entanto fomentar ódios, respeito todos os seres humanos e as orientações sexuais de cada um não me dizem respeito. A felicidade é uma busca de cada indivíduo e cada um faz o que quer. Não me peçam é que o "cada um faz o que quer" implique que aqueles que acreditam no mesmo que eu andemos aqui a jogo de empurra fruto das modas dos outros. Ou não teremos nós direito a ter aquilo que queremos como queremos?
E no meio disto tudo, esses que querem ser tratados com igualdade andam numa de "ser panisgas é fixe" buscando protagonismo! Se querem ser tratados como "normais" portem-se como tal!

quinta-feira, 4 de novembro de 2010

iPhone 4 - review!

Depois de muito esperar lá chegou o meu iPhone 4 e depois de uma semana de uso cá fica então uma breve nota para os mais alheados dos fóruns da especialidade.

Para começar, pouca novidade no sistema operativo já que é praticamente igual ao iOS 4.1 que corria no meu 3G!

Goste-se ou não, a estrutura é diferente, mais pesada, o "death grip" existe (perda de sinal quando de amarra totalmente o aparelho na zona da antena - perto da base), a qualidade de som é fantástica embora no início seja um tanto ao quanto estranha a sensação de estar a fazer uma chamada sem que exista qualquer ruído na ligação (dá a sensação de que estamos a falar com o telemóvel desligado), a autonomia é satisfatória mesmo com 3g e wi-fi sempre ligados.

A câmara fotográfica com 5 mp poderia passar como vulgar não fosse o auto-focus e a possibilidade de activação do modo HDR - o resultado são fotos perfeitas em qualquer luminosidade. A câmara em modo vídeo HD associada ao iMovie para iphone (€3,99 na applestore) vão fazer o iMovie do Macbook parecer um atraso de vida! Gravar, editar e exportar um vídeo com uns efeitos dignos de um aprendiz destas coisas passa a ser uma tarefa muito fácil.

O processador A4... torna este "brinquedo" um daqueles em que toque e execução se passam num mesmo momento.

O multitasking com este processador faz sentido apesar de ainda não ter uma forma "à la apple" de funcionar, continua a ser uma tarefa estranha de duplo-click na home, carregar numa app e depois sim, encerrar as que se quiser... ainda não é simples.

Uma nota ainda para o VLC que traz todo o tipo de vídeo para o iPhone, basta carregar por browser.

Tudo o resto é iOS 4.1 ... sendo que este está por dias pois o 4.2 não deve tardar a sair.

Veredicto: para quem tiver ou pretender ter uma assinatura de comunicações deve ser uma opção a ponderar na hora de trocar de telemóvel. Para os outros... bem... haja algum bom-senso: não há telemóvel nenhum que valha €659 ou €779! Nem mesmo um iPhone 4!

quarta-feira, 3 de novembro de 2010

Aqui vamos nós... outra vez!!!

Estava eu a tratar de uns assuntos num espaço público desta nossa bela terra neste agradável dia de sol, quando, no meio da imprensa disponível dei com o Farol de Esposende! Numa das páginas do jornal em questão deparei-me com o título "João Cepa repensa a sua participação activa no PSD"... e imediatamente tirei do bolso o telemóvel para registar o momento! Por momentos pensei: "Como? O ex-Presidente do PSD Esposende vai seguir as pisadas do ex-Presidente da JSD Esposende?" Mas no mesmo instante lembrei-me de uma expressão de um militante singular do PSD Esposende que apelidaria no imediato este título como "Conversa para boi dormir"!
Efectivamente... ocorreu-me de imediato escrever este post ao som dos reputados Broa de Mel com o mega-hit "Não te vás"! (aqui o deixo para os amantes do estilo)!


Mas... eu não gosto de "conversa para boi dormir", mais não fosse porque sou pouco amante de cama e durmo apenas o estritamente necessário para me aguentar em pé!

Enquanto alguns ficariam seguramente a "cantar Broa de Mel" eu prefiro "ser do contra"! Uma das maravilhas da democracia é que cada um é livre de fazer o que muito bem quer desde que não invada a liberdade dos que o rodeiam. É também inegável que cada um só deve estar onde quer estar e que "os incomodados se devem retirar"!

Em todo o caso, preferia ver o meu Partido a nível local ter outro peso porque num passado recente o Sr. João Cepa, à data Presidente do PSD Esposende, foi notícia como tendo batido o pé ao partido (tendo-o feito ou não, talvez o Espírito Santo saiba), sendo que esse "bate-pé" não surtiu qualquer efeito! Fomos tidos mais uma vez como "parente pobre do partido", por sinal o parente que dá vitórias... será um pequeno detalhe!

Agora... mais que ler estes discursos de vitimização, o que eu queria era ver um Partido forte, de afirmação distrital, que impusesse às cúpulas a sua legitimidade! Um todo que escudasse as costas a um qualquer líder numa situação de reivindicação de reconhecimento. E sendo intelectualmente honestos, hoje, mais que nunca, Esposende precisa de alguém que defenda os nossos interesses na AR!

Será esse representante João Cepa?
Por mim bem podia sê-lo! Aliás, essa seria certamente uma batalha pela qual eu meteria as mãos à obra! Porque muito para além das divergências... e são garantidamente muitas... reconheço-lhe valor, competência e "timming" perfeito para passar a representar Esposende na AR numas futuras eleições! Obviamente que para tal é preciso um partido forte, que não deixe um líder desamparado e que se preciso for "colocar areia na engrenagem" em protesto, não coloque um grão para ser triturado mas seja um verdadeiro "balde de areia"!

A ver vamos o que o tempo dirá! Mas que é tempo de Esposende voltar a ter o que "é seu por direito" disso não haja dúvida!

E para concluir, aqui fica o registo da MarevivaRadio no Jantar de autarcas de Esposende!



Será tempo de concluir não com um "Não te vás!" mas sim com um "Se puderes ir para defender Esposende, Força"!

sábado, 30 de outubro de 2010

SOMBRA!


O título deste post em nada tem a ver com o estado do país pois nada tem de sombra, apenas de escuro, de escuro sem luz no fundo. Mas como nem só de política e de miséria vive um homem, aqui deixo o "gótico" anúncio do início das tour dos Moonspell com o projecto acústico SOMBRA!
E continuo à espera desse belo dia em que serão colocados à venda os bilhetes para uma sala do norte.

Aqui fica uma amostra:



segunda-feira, 18 de outubro de 2010

Um ano depois!

Faz hoje um ano de 8 dias desde as últimas autárquicas! As Scuts prestaram um enorme serviço a muitos manifestos eleitorais que, um ano volvido, não passaram disso mesmo: "manifestos"!
Permitam-me no entanto que tendo constatado, um pouco por toda a blogosfera que sigo, que tal evento passou despercebido, disso mesmo aqui dê nota, afinal de contas, 2009, foram umas eleições que não me tendo passado à margem, me passaram garantidamente ao lado, pelo menos de forma directa (não obstante umas mensagens "elogiosas" que chegaram ao meu telemóvel por essa altura e que ainda hoje guardo aqui num backup só para me massajarem o ego de quando em vez).

As autárquicas 2009 foram garantidamente umas eleições que irei recordar e tudo porque a vitória conseguida na freguesia de Marinhas foi algo para que durante dois anos lutamos com afinco aqui no 7folhas. Registarei também durante muito tempo a forma como alguns me trataram como um verdadeiro "leproso" durante a campanha! Foi bom ver de que lado andavam os homens e de que lado andavam os badamecos, os putos e os xonés!

Hoje, um ano depois, afinal de contas: qual será o balanço?

sexta-feira, 15 de outubro de 2010

7folhas...7 lições...


Hoje, ao abrir a caixa de mail, deparei-me com um comentário num post do 7folhas sobre a noite de poesia na semana cultural de Marinhas. Não pude ficar indiferente! E, ainda a pensar no "sôco no estômago", tive que arranjar maneira de retribuir o gesto. Aqui deixo então o texto da Ilda, com uma foto dela... e... deixem-me que vos diga que... bem... como é que se dizem estas coisas sem parecer lamechas?!!... Tenho orgulho nos meus amigos! Muito mesmo! Respeito-os e agradeço a Deus ter gente assim ao meu lado pela vida fora! É caso para dizer que com amigos assim... um gajo até pode dar-se ao luxo de se atirar para o chão pois sabe que haverá sempre uma mão disposta a ajudar a erguê-lo.

E numa palavra para a Ilda... ou melhor, em meia dúzia... Obrigado por me relembrares quem sou! Obrigado mesmo!...
7 Folhas…7 Lições...

Num Momento Me Deparei
Ao Passear Numa Viela
Que No Chão Estavam Folhas
Cada Uma Palavra Bem Singela
A Primeira Que Foi Eleita
É Uma Palavra Abençoada
É A AMIZADE Riqueza Perfeita
Que Nos É Proporcionada
CORAÇÃO É A Seguinte
O Motor Dos Nossos Sentidos
Do Tamanho Da Nossa Mão
E Seus Talentos Escondidos
SIMPATIA Jamais Esqueço
Pois É Bem Positiva
A Pessoa Que A Dá
Merece Honra Toda A Vida
ABRAÇAR De Corpo E Alma
Momentos De Voluntariado
É Encher A Nossa Calma
Com O Dom Do Nosso Aliado
Esse Aliado É VIDA
É O Aroma Que Nos Rodeia
É A Força Matinal
E Está Sempre Á Nossa Beira
Nesta Noite A Declamar
Deparei-Me Com Uma Lição
Nunca Digas Nunca
Pois A Vida É Um TURBILHÃO
Ao Ouvir As Guitarras
Lembrei-Me De Um Amigo
Que Toca Ecos Como Elas
Na Missa De Domingo
João Paulo Um Guerreiro
Um AMIGO Sem Igual
Espalha Ecos Com Seu Dom
E Na Amizade É Fundamental…

Abraços com Cristo...

segunda-feira, 11 de outubro de 2010

Scuts - a loucura!

Consegui hoje ligar para o 808 210 000 das estradas de Portugal, a fim de colocar uma questão muito simples:

- "o que é uma isenção?"

Resposta pronta do lado de lá: "é uma viagem"!

- perguntas: "e o que é considerado viagem? 1 pórtico? 2 pórticos? determinado período de tempo?"

Resposta: "Você entra e sai da via, isso é uma viagem"!

- pergunta: "Mas nas saídas não têm pórticos! Como é que vocês sabem se eu faço Viana - Porto directo ou de faço Viana-Esposende-Porto?"

Resposta: "Bem, se você parar um determinado período de tempo em Esposende e voltar a continuar a viagem rumo ao Porto, já serão duas viagens!"

- pergunta: "E qual é esse tempo de paragem? Onde posso vê-lo?"

Resposta: "Pois... isso não sei! Mas haverá um tempo atribuído a um via, considerando uma velocidade média calculada tendo por base uma viagem a uma velocidade constante"!

- pergunta: "E onde posso saber qual o tempo médio para cada via?"

Resposta: "Pois... isso também não sei!"

Constatação: "Pronto... vou então aguardar! Muito obrigado e continuação de boa tarde"!

Agora digam-me que não tenho razão!
Só há uma verdade: "Scuta que os pariu!"

quinta-feira, 7 de outubro de 2010

Rede UV

Nasceu a 7 de Outubro de 2010 a rede UV!

De tudo o que fiz na política até aqui, a participação na Universidade de Verão foi garantidamente a melhor experiência política de uma década de militância activa! Bem sei que falando "politicamente bonito", o melhor seria dizer que foi uma qualquer experiência com os jovens da minha terra, contudo, não estaria a falar verdade. Vesti a camisola de cada iniciativa em que participei, fossem elas de núcleos, concelhias, distritais ou nacionais, mas a UV... é um mundo à parte.

A rede UV merece assim o meu sincero aplauso porque abre ao público muita da informação que cada participante recebe no seu dvd depois de uma semana de trabalho.

Visitem:

A Sacrosanta lei!!

I Série - Índices do Dia


DR 194 SÉRIE I, 1º SUPLEMENTO de 2010-10-06

Portaria n.º 1033-A/2010 Ministérios das Finanças e da Administração Pública e das Obras Públicas, Transportes e ComunicaçõesEstabelece um regime de discriminação positiva para as populações e empresas locais, com a aplicação de um sistema misto de isenções e de descontos nas taxas de portagem nas auto-estradas sem custos para o utilizador (SCUT) do Norte Litoral, do Grande Porto e da Costa de Prata
-----
Portaria n.º 1033-B/2010 Ministérios da Administração Interna, da Justiça e das Obras Públicas, Transportes e ComunicaçõesPrimeira alteração à Portaria n.º 314-A/2010, de 14 de Junho, que estabelece os termos e as condições a que obedece o tratamento das bases de dados obtidos mediante a identificação ou a detecção electrónica de veículos através do dispositivo electrónico de matrícula
-----
Portaria n.º 1033-C/2010 Ministério das Obras Públicas, Transportes e ComunicaçõesPrimeira alteração à Portaria n.º 314-B/2010, de 14 de Junho, que define o modelo de utilização do dispositivo electrónico de matrícula para efeitos de cobrança electrónica de portagens
-----
Copyright © 1997-2010 INCMTodos os direitos reservados. Diário da República Electrónico DRE) é uma marca registada da INCM, S.A.

quarta-feira, 6 de outubro de 2010

SCUTS - uma trilogia em 4 ou 5 capítulos!

Eu, como provavelmente umas boas centenas de pessoas "do norte", não do futebolístico, apenas do nosso norte, daquele que fica no lado exactamente oposto ao sul, continuo ansioso à espera da activação dos pórticos das Scuts. Sou mais um entre muitos portugueses do norte, que pagam impostos, que sentem os sucessivos aumentos da carga fiscal, mas que se predispõe, em prol da salvação nacional, a contribuir com tudo o que têm para a nobre causa da "recuperação económica da pátria"! Sim, digo da "Pátria" pois estou cada vez mais certo que o grande mal do nosso país começa com a visão mercantil do território como um Estado que asfixiou o nobre sentimento de Pátria como um conjunto de causas, de valores e de sentimentos que nos unia! Perdeu-se a nobreza dos sentimentos comuns e vulgarizou-se a nossa alma comum com a importação massiva de uma cultura de "google"! Somos cada vez mais um povo que gosta de "beber" o que vem de fora porque é moda e que se retrai na hora de "vindimar" o verdadeiro sumo desta alma comum.
A pouco mais de uma semana da activação dos pórticos nas Scuts andamos todos à procura de informação, sem saber que aparelho comprar, que aparelhos dão isensções, se tenho que comprar ou não, se o pós-pago precisa de DEM, qual o critério de atribuição de isenções, ... isto e muito mais! E pasmem-se: desta vez tramamos o "Google"! Nem o "tio Google" tem respostas!
Ao que parece, devemos aguardar a publicação de uma sacrosanta portaria que trará a verdade suprema, e que começará pelo tão desejado "Naquele tempo, disse o divino governante ao povo..." E o povo acatará em adoração porque o divino governante submete-nos às provações mas salva-nos se a nossa crença for grande.
E escusado será dizer, que após a sacrosanta portaria, haverá dia santo para que o povo possa legalizar as suas viaturas, porque serão indignos aqueles que não forem marcados com o chip do cordeiro!
E no fim dos tempos, o divino governante, dirá a todos os que não possuirem o chip do cordeiro "Ide-vos indignos do meu reino! Não estais chipados! Não vos conheço!"

domingo, 3 de outubro de 2010

O PSD a ouvir o país!

Louvável a iniciativa do PSD de ouvir Portugal, por oposição a um Governo autista longe de ouvir quem quer que seja.

sábado, 2 de outubro de 2010

http://esposendeimagens.blogspot.com


Hoje, porque já há muito que andava para o fazer, adicionei aos blogs que sigo, o http://esposendeimagens.blogspot.com . É mais que justo o reconhecimento da excelente qualidade das fotografias do amigo João Octávio Meira, que de forma desinteressada tem percorrido o nosso concelho, registando momentos únicos de forma perfeita.

De forma tardia, apenas por desleixo por falta de consideração, pois é justo confessar que sou um seguidor e admirador das fotos do João, adiciono-o assim às ligações. Fica também aqui o desejo de que o "esposendeimagens" continue com este excelente projecto, que tantas vezes me deixa boquiaberto com a forma com que capta momentos únicos.

Para abrir o apetite, deixo aqui uma imagem cuja fonte está assim mais que referida, imagem esta que é um hino à fotografia e às tradições e gentes da nossa terra. Um momento de singular beleza!

visitem: http://esposendeimagens.blogspot.com e partilhem o que de único e perfeito há pelo nosso concelho, visto pela lente do João Octávio Meira.

Justo e Merecido reconhecimento!

ALEKSANDAR DJOROVIC

Fonte Record

Nunca será demais Parabenizar quem tão longe e alto leva o nome da nossa terra. E nunca será demais reconhecer o trabalho de quem tanto tem feito pela canoagem como o Clube Náutico de Gemeses. Quando o trabalho é bem feito os resultados aparecem, pode levar o seu tempo mas surgem. E mais uma vez fica a prova de que as modalidades que menos despesa dão são as que mais resultados apresentam.

quinta-feira, 30 de setembro de 2010

Haja Coragem!

Foi grande a coragem do Dr. Miguel Macedo hoje, na AR! Dizer, olhos nos olhos, ao nosso 1.º, que é "politicamente inimputável" merece o meu aplauso!

Este sim, é o PSD que me fez filiar no longínquo ano de 2001. É num partido que tem políticos com a credibilidade que reconheço ao Dr. Miguel Macedo e sem papas na língua!

Gostei! E num gesto que já não será novo, tiro o chapéu àquilo que tem sido a prestação do Dr. Miguel Macedo à frente do Grupo Parlamentar do PSD

quarta-feira, 29 de setembro de 2010

SCUTS - Informação

Para quem estiver interessado, aqui deixo a ligação para um breve memorando da ANTRAM contendo as portagens, os preços e as formas de pagamento.
Espero que possa ser útil e contribuir para o esclarecimento do assunto já que, com tanta trapalhada em torno desta questão, andamos todos um pouco "ás aranhas"!




*num breve aditamento a esta informação, sendo eu cliente Via Verde, liguei para o apoio a clientes desta entidade a fim de proceder à conversão do meu dispositivo para algo que pagasse também as Scuts! Com a maior simpatia me informaram que o meu aparelho estaria já apto a pagar as Scuts mas que daqui a uns tempos iria ser contactado para confirmar os dados de identificação. Já não me responderam com a mesma prontidão quando perguntei como seria o processo relativamente ás isenções e descontos, disseram-me apenas que quanto a isso não havia informação oficial! Ou seja, a partir de 15 de Outubro corro o risco de ter um identificador de Via Verde apto a pagar Scuts mas para beneficiar do desconto terei que comprar o outro aparelho, e como a Via Verde estará activa sem que ninguém me perguntasse nada nem me informasse com clareza, o melhor será comprar o tal aparelho novo e arrancar a Via Verde a cada pórtico para não pagar dobrado! Vai bonita a brincadeira vai!

terça-feira, 28 de setembro de 2010

Presidenciais e "uma espécie de esquisofrenia"!

Longe vão os tempos em que do meu "caderno da escola dos porquês" eu admirava dois políticos portugueses, a saber: o Prof. Aníbal Cavaco Silva no plano nacional, e o Sr. Alberto Queiroga Figueiredo a nível local!

A passagem do Dr. Pedro Santana Lopes pelo governo revelou um Prof. Aníbal que me desiludiu profundamente! Não gostei do que vi, não gostei do que nasceu aí no meu partido e não gostei de ver a forma como o Prof. entrou numa estratégia presidencial cega e egocêntrica! Em boa verdade, apesar dos defeitos, e não se vislumbrando D. Sebastião por entre o nevoeiro, o Prof. Aníbal continua a ser a "mal menor" no que a a candidatos e candidatáveis diz respeito.

Fica assim limitada a minha admiração a um único político, que com os seus defeitos e virtudes, foi seguramente o primeiro a fazer-me querer ser social democrata.

Esclarecida assim a minha "admiração moderada" pelo nosso Presidente da República, não posso deixar de aqui dar nota desta forma "esquisofrénica" com que o poeta Alegre faz campanha!

O Poeta, num dia diz que o Presidente já deveria ter vindo a jogo, noutro dia diz que o Presidente anda a fazer jogada! Ora bolas!! Alguém faça favor de obrigar este Sr. a tomar medicação não vá o povo ser levado a crer que temos aqui um segundo Pessoa com os seus heterónimos, isto porque é quase certo e não menos sabido que o grande Fernando Pessoa teria uma relação próxima com os opiáceos.


E nesta onda, nada melhor que deixar aos seguidores do poeta uma sugestão para hino de campanha:

FMI em Portugal!

O estado da política em Portugal atingiu um nível de degradação preocupante e, apesar dos meus 27 anos, estou em crer que chegamos ao ponto mais baixo desde a "revolução dos cravos"!
Ninguém acreditar na classe política já há muitos anos que se tornou um lugar comum, direi mesmo que o exercício da causa pública em Portugal, no mal menor que é a democracia, salvo honrosas excepções, foi um nascimento "por aborto"! Apesar das inúmeras dissertações e floreados de bom-português, a terrível verdade, aquela que por se tornar evidência aos olhos do povo passou a ser tida como ciência, é que a classe política nasceu para se servir da política e não para servir a política (mais uma vez e em abono do bom nome de quem é digno dele - há honrosas excepções)!
Nos dias que correm, anda meio país com as calças na mão por perceber que o seu "auto-governo" levou o país ao completo desgoverno e anda outro meio país com as calças na mão por já não ter cú para as calças, fruto de 35 anos de "auto-governação" da outra metade.
Agora assistimos a um triste espectáculo que é ver os políticos com responsabilidades tentarem condicionar a informação, numa tentativa de branquear a imagem do país aos olhos da comunidade internacional, como se a vinda do FMI para Portugal fosse o fim do mundo!
Mas será que ainda ninguém percebeu que o FMI já está em Portugal? Serei eu o único a ter atingido tal conclusão? Eu não tenho por hábito julgar-me mais fino que os outros mas... se a "FOME", a "MISÉRIA" e a "IRRESPONSABILIDADE" não são parte dos nossos dias então alguém me desengane porque eu ando a "ver coisas"!
A fome que milhares de portugueses passam, a miséria a que está entregue a sociedade e a extinção da outrora nobre "classe média portuguesa", e a irresponsabilidade de um Governo que teima em não reconhecer a sua incompetência para resolver a crise a que levou o país, são a meu ver algo inegável no nosso dia a dia.
E há quem tema o FMI!!
Um FMI já cá está... mas por favor... alguém mande vir o outro, enquanto restam os dedos de onde já sumiram os anéis! Se for para virem quando já nem dedos tivermos já mais valerá não virem... é que por essa altura estaremos em condições de dizer que morreremos de fome não por falta de comida mas sim por falta de dedos para segurar o garfo e a faca!

segunda-feira, 27 de setembro de 2010

Festa do Pão - Marinhas 2010

O post de hoje, ainda que breve por imperativos de tempo, tem obrigatoriamente que começar por algo simples:
- Parabéns à Junta de Freguesia de Marinhas, às associações e movimentos locais e a toda a população que se associou ao evento.
Depois de duas edições apadrinhadas pelo FC Marinhas, a quem sempre será justo atribuir o mérito da ideia e da sua origem, é também justo dizer que, com os recursos disponíveis, a Junta de Freguesia de Marinhas fez um "upgrade" substancial, diria mesmo fantástico, àquilo que já havia sido feito nos anos anteriores.
Com a noção que algumas coisas podem ainda ser melhoradas é por demais evidente que o salto qualitativo já não deixa muito para corrigir pois de um modo geral as condições eram boas, a organização cumpria o que era exigível para o bom funcionamento e o ambiente primou pela festa, pelo convívio e pela elevação daquilo que de melhor se faz na nossa terra: o associativismo, o voluntariado, a carolice e o amor às atradições.
Assim sendo, bem-haja a todos os intervenientes e fica o registo da grande qualidade das condições proporcionadas pela JF Marinhas.

sexta-feira, 24 de setembro de 2010

Sócrates... o alheado!

Welcome!! This isn´t another blog with "bad english" like the Prime Minister of Portugal said in the USA!

O "Prime Minister" de Portugal inspirou hoje mais confiança ao mundo ao anunciar que "ou o Orçamento de Estado para o próximo ano era aprovado ou não teria condições para continuar a governar"! Julgo que o mundo respirou de alívio!! Foi como que uma ligação de água ao "autoclismo" da política nacional!

Claro está que nem o mundo nem os portugueses o levaram a sério pois se em 6 anos não conseguiu cumprir uma única promessa, não iria certamente cumprir na hora da saída "para deixar saudades"!

Há no entanto algumas notas a reter:

- a primeira, não pode deixar de ser, o facto de que a situação política portuguesa atingiu um nível tão degradante que faz lembrar uma latrina de campista sem ligação de autoclismo - daí a imagem ao lado;

- a segunda, Pedro Passos Coelho, se tivesse crescido a ouvir os velhotes de RM (aka Rio-de-Moinhos) seria suficientemente precavido para saber que "o segredo é alma do negócio"! Como PPC não cresceu em RM, derreteu-se em ataques, disparos de pólvora, insinuações e intimidações... resultado? Ficou com o menino ao colo e agora terá que ceder à chantagem do Zé!! E porquê? Porque o Zé, apesar de ser uma nulidade enquanto "Prime Minister", é suficientemente esperto para perceber que tendo o "Mr. President Aníbal" refém do seu próprio tabú presidencial (demasiado óbvio para chegar sequer a ser tabú), pôde aguardar que o calendário ditado pela Constituição impedisse a dissolução da AR pelo "Mr. President" para inverter o discurso da chantagem! Caso para dizer que, hoje, o "Prime" pode dizer ao líder da oposição: "ó Pedrinho, queres alterar a Constituição? Altera lá mais este! Põe algo assim: o Mr. President pode dissolver a AR até 15 dias antes das presidenciais!"

- terceiro, com o PSD obrigado a dar o dito por não dito e ficar com a chantagem e com a revisão constitucional ao colo; com o PSD refém da estratégia de recandidatura presidencial do Mr. President; com o mundo de olhos postos neste país... lá vamos nós ter que aguentar-nos à bronca!

- O "Prime" é incompetente e rodeou-se de inúteis e o povo assiste que nem "boi a olhar para o palácio"!

- Agora, passamos a ser "comidos" pelo Governo e ainda temos que fazer boa cara não vá o FMI descobrir que estamos a ser "violados" pelo Zé!

No fundo, voltamos à célebre frase: "o último a sair que feche a porta"! Eu vou fazer a mala!

quarta-feira, 22 de setembro de 2010

Festa do Pão 2010!


Não faltem!!
24 a 26 de Setembro, antigo Campo de S. Miguel, mais uma edição da Festa do Pão e porque não dizê-lo, uma verdadeira festa do associativismo e dos movimentos marinhenses. A nossa terra em festa!


VSC - 88 anos!

Depois de muito percorrer as ruas da cidade berço há algo a que não se fica indiferente: o sentimento que se respira naquela cidade quando se fala de VSC! É bonito ver a forma como aquela terra vive o futebol, ainda que não se perceba se aqui é saudável ou doentio. Depois de muito anos por Braga, estou em crer que esta pequena euforia que se vive por estes anos na cidade dos arcebispos, em Guimarães, vive-se à 88 anos! Aquela gente não é do FCP, do SLB ou do SCP e depois do Vitória! São 1.º do Vitória e depois de nenhum outro!

E é com um sentimento de admiração e respeito e em nome das boas amizades que fiz e que espero conservar pela vida fora nessa terra, que hoje aqui dou os meus parabéns ao Vitória (não não é "Guimarães", é "de Guimarães" mas não se chama "Guimarães") e a todos os seus adeptos, doentes, ferrenhos, leais! Que se mantenha a tradição, porque Vitória e Nicolinas só mesmo em Guimarães!

terça-feira, 21 de setembro de 2010

Procuram-se "cojones"!!

Primeiro ler isto!!

Continuando!!

Se na democracia o povo, muitas das vezes cego, surdo e bruto tem direito a condenar o futuro da minoria à desgraça, então permitam-me que exercite, ainda que do lado da minoria nas últimas eleições legislativas, o meu direito à indignação!

A maioria da população votante do meu país escolheu, nas últimas eleições, a continuidade das políticas ruinosas do José Sócrates, não digo Engenheiro porque ainda não sei se o é de facto, nem digo "Sr." porque nos costumes em que fui educado, para se ser um Sr. era preciso ter alguma rectidão de conduta e não me parece que as sucessivas "omissões de verdade" do nosso 1.º sejam dignas de tal título, fiquemo-nos portanto só pelo José Sócrates! Ficará para os politólogos a eterna questão: o PSD perdeu porque o PS foi melhor ou porque o próprio PSD se apresentou a votos com o pior? (sem qualquer imputação à pessoa da Dra. Ferreira Leite, mas sim a um PSD moribundo, roto e enfezado, que se apresentou a votos desunido que nem um balde de cacos)!

E porque o José ganhou as eleições temos agora que aturar esta borrada em cima de borrada? Metade do TGV vai custar o dobro do previsto? Mas nós seremos um bando de parôlos? (Volta Fiúza, precisamos de ti!!) Será que os "cojones" da foto são os últimos neste país?

Estou revoltado! Dirão alguns: resume-te à tua insignificância! A esses sempre direi que já senti o sabor de ganhar umas eleições por "um" voto! Uma única unidade pode ter todo o significado, até porque diz o povo que basta uma gota para transbordar o copo!

Eu não vou ficar a olhar para o navio "Portugal" a afundar e ficar calado estando do lado de dentro! Neste país temos gente boa, gente de valor, gente que trabalha, gente que ganha 1/3 do resto da Europa e gere-se ao ponto de ter casa, carro, comida na mesa e filhos na escola, gente que acorda cedo, que trabalha longe de casa, de sol a sol, no fundo, gente que merece um país melhor e gente que todos os dias se deita com o sentimento de "hoje já fiz muito pelo meu país, que fará ele por mim amanhã?" E a única resposta que recebem é "o país vai aumentar-te a carga fiscal"!! Ora bolas!

Se isto é democracia eu quero viver em ditadura! Porque aprendi na história que no tempo da ditadura houve gente com coragem que fez a diferença!! Agora, neste tempo da "ditamole", perdão, da democracia, vivemos todos estupidificados numa sociedade encarneirada, onde os dias se sucedem de "focinho" enfiado no "pasto" e onde só abrimos a boca quando falta que comer!

E para concluir, digo apenas que "eu sou do tempo, em que por bem menos que isto, um Presidente da República, correu com um Governo"!

Enquanto o cargo Presidencial estiver sujeito a estratégias eleitorais teremos uma democracia amputada! Já que vão mexer na Constituição, aceitem a minha sugestão: Mandatos Presidencias: um de 5 anos e não renovável".